Imagem

A Orquestra Sinfônica Juvenil da Bahia acaba de realizar mais um grande concerto nos Estados Unidos. A platéia da ‘The Palladium’, em Carmel (Indiana), aplaudiu de pé os pianistas Jean-Yves Thibaudet e Ricardo Castro, que foram os solistas do Concerto em Sol Maior de Ravel e do Rhapsody in Blue de Gershwin, respectivamente. No bis, o jovem regente Yuri Azevedo foi convidado pelo maestro Ricardo Castro para conduzir a orquestra na execução de ‘Mambo’, de Leonard Bernstein, ‘Aquarela do Brasil’, de Ary Barroso e ‘Tico-tico no fubá’, de Zequinha de Abreu.

“Fiquei surpreso! Eu não sabia que eu ia reger, mas eu acho que as melhores coisas são as coisas espontâneas […] foi lindo, uma experiência nova pra mim. Não tive tempo de ter aquela velha preparação mental, foi logo direto no palco. Você na verdade acaba focando no concerto de outra forma, puxando a energia dos colegas da orquestra. Se fosse formal, eu estaria comigo mesmo, e hoje eu peguei a energia deles.” – Yuri Azevedo

“Foi fantástico! É a estreia do Yuri Azevedo nos EUA regendo a Juvenil da Bahia. Ele está aprovadíssimo e tem uma grande carreira pela frente!” – Ricardo Castro

Clique aqui para ver mais fotos da Orquestra Juvenil da Bahia em Carmel, IN.

The Orquestra Juvenil da Bahia has just performed another great concert in the United States. The audience of “The Palladium”, in Carmel, Indiana, stood up and applauded pianists Jean-Yves Thibaudet and Ricardo Castro, who were soloists of Ravel’s Concerto in G major and Gershwin’s Rhapsody in Blue, respectively. For the encore, the young conductor Yuri Azevedo was invited by Maestro Ricardo Castro to lead the orchestra on the performances of Bernstein’s “Mambo”, “Aquarela do Brasil” by Ary Barroso and “Tico- tico no Fubá” by Zequinha of Abreu.

“I was surprised! I did not know I was going to conduct, but I think the best things are the spontaneous ones[ … ] It was beautiful, a new experience for me. I didn’t have time to have that good old mental preparation, I went straight on stage. Then I could actually focus on the concert in a different way, drawing the energy from the orchestra colleagues. If I were to be formal, I would be with myself, but today I picked up the energy from them.” – Yuri Azevedo

“It was fantastic! This is the American debut of Yuri Azevedo conducting the Juvenil da Bahia. He is 100% approved and he has a great career ahead of him! ” – Ricardo Castro

Click here for more photos of the Orquestra Juvenil da Bahia in Carmel, IN. 

Anúncios

Uma resposta em “

  1. Tive o enorme prazer de estar no Palladium na apresentação da orquestra e não tenho palavras para descrever minha emoção com tal performance. Fico reamente grata pelo trabalho e dedicação de cada membro da orquestra, grata ao maestro Ricardo Castro pela iniciativa e pela luta em manter um programa tão especial e gostaria de parabenizar Yuri por nos presentear com sua estréia inesquecível. Desejo à todos um sucesso maravilhoso e espero que outros estados no Brasil copiem tal iniciativa.
    Obrigada por voces existirem!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s